Mês: janeiro 2018

Signos Mutáveis

Você já ouviu falar em quadruplicidade ou em ritmo na Astrologia? Os dois termos fazem referência basicamente a mesma coisa. Os 4 elementos, Fogo, Água, Ar e Terra, podem ser expressados em diferentes variações que resultam em divisões.
A divisão dos 12 signos pelos 4 elementos – triplicidade – ou seja, para cada elemento há um grupo de 3 signos; e a divisão dos 12 signos pelas 3 expressões desses elementos –quadruplicidade.

Cada um dos quatro elementos apresenta:
Uma expressão cardinal (Áries- fogo; Libra-ar; Câncer-água, e Capricórnio-terra);
Uma expressão fixa (Touro-terra; Leão- fogo; Escorpião-água e Aquário-ar);
Uma expressão mutável (Gêmeos-ar; Virgem-terra; Sagitário-fogo; e Peixes-água).

Essas categorias possuem características próprias, assim como os elementos, e são fundamentais para uma melhor compreensão de determinadas ocorrências.

A qualidade MUTÁVEL marca um poder de mudança e adaptação, sendo a marca de Gêmeos, Virgem, Sagitário e Peixes. Essas pessoas tendem a ser energias mais flexíveis e adaptáveis, ou seja, se ajustam ao ambiente em que se encontram, buscando novas experiências e aprendizados.

Os signos mutáveis: Gêmeos (Ar), Sagitário (Fogo), Peixes (Água) e Virgem (Terra) têm uma tendência para a volatilidade. Ao mesmo tempo, são mais complexos e tendem a demonstrar instabilidade. Assim, resumidamente:

GÊMEOS tende a ser mutável mentalmente. Sabe aquelas pessoas que de uma hora para outra mudam de assunto ou opinião? Elas tendem a não se aprofundar nos assuntos e a falar bastante;

● SAGITÁRIO tende a demonstrar vontade de praticar várias ao mesmo tempo com entusiasmo e um espírito aventureiro;

● PEIXES tende a ser mutável emocionalmente, mudando rapidamente de uma alegria profunda para um sentimento melancólico;

● VIRGEM tende a ser mutável nas áreas práticas da sua vida, demonstrando características ligadas ao perfeccionismo, o que faz com que busquem constantemente por novos meios de aprimoramento.

Gostou? Quer saber mais? Inscreva-se no nosso canal e visite o nosso site!

www.ciadosastros.com.br

Elemento Terra

O Elemento Terra deve ser visto como praticidade, sendo a marca de Touro, Virgem e Capricórnio. Representa estabilidade e solidez, pessoas com este elemento são capazes de estabelecer prazos com facilidade. Em outras palavras, demonstram inteligência da matéria.

Sabe aquelas pessoas que nos dizem “Sai mais cedo de casa, porque você vai demorar, pelo menos, 45 minutos.” E você leva 43? Essas “coincidências” são muito encontradas nas relações com pessoas de Elemento Terra. Por isso, este elemento proporciona mais solidez, estabilidade, assertividade e persistência. Além disso, essa energia que o Elemento Terra traz, influencia nossa capacidade de realização, de uma maior afinidade com limites, com o mundo material e os sentidos físicos.

Elemento Terra: Touro, Virgem e Capricórnio

Para saber quanto de cada elemento há em seu mapa, siga passo a passo:

1) Use um aplicativo ou website gratuito para calcular o seu mapa astral e descobrir em qual signo está cada planeta, identificando qual a pontuação dos seus elementos:
Fogo, Ar, Terra e Água;

2) Depois, use uma tabela como essa abaixo para ir somando os pontos de cada um dos dez planetas e ascendente;

3) Veja qual a proporção entre os pontos de cada elemento:

Se der entre 4 e 9 pontos, os elementos estão em equilíbrio e nenhum se destaca;
Se algum der acima de 10, esse elemento está forte e em destaque no seu mapa.

Gostou? Quer saber mais? Inscreva-se no nosso canal e visite o nosso site!

www.ciadosastros.com.br

 

Signos Fixos

Os 4 elementos, Fogo, Água, Ar e Terra, podem ser expressados em diferentes variações que resultam em divisões. A divisão dos 12 signos pelos 4 elementos – triplicidade – ou seja, para cada elemento há um grupo de 3 signos; e a divisão dos 12 signos pelas 3 expressões desses elementos – quadruplicidade.

Cada um dos quatro elementos apresenta:
Uma expressão cardinal (Áries- fogo; Libra-ar; Câncer-água, e Capricórnio-terra);
Uma expressão fixa (Touro-terra; Leão- fogo; Escorpião-água e Aquário-ar);
Uma expressão mutável (Gêmeos-ar; Virgem-terra; Sagitário-fogo; e Peixes-água).

Essas categorias possuem características próprias, assim como os elementos, e são fundamentais para uma melhor compreensão de determinadas ocorrências.

A qualidade FIXA marca um poder de sustentação, sendo a marca de Touro (Terra), Leão
(Fogo), Escorpião (Água) e Aquário (Ar). Essas pessoas tendem a gostar de rotina e geralmente agarram-se firmes aos seus ideais, bens materiais e relacionamentos. Dificilmente vão desviar de seus propósitos e, por isso, podem surgir sentimentos de
estagnação e/ou teimosia. Assim, resumidamente:

● TOURO tende a não largar as coisas facilmente e preza pelo conforto físico e
sensorial;
● LEÃO tende a ser muito centrado em si mesmo, possuindo grande energia física e
moral e utilizando firmeza e determinação na busca e conclusão de seus projetos;
● ESCORPIÃO tende a expressar um lado passional, é oito ou oitenta e raramente
seus sentimentos estão no meio termo;
● AQUÁRIO tende a demonstrar certa constância em suas opiniões, o que traz
dificuldade de mudar de ideia de forma mais fluida.

Gostou? Quer saber mais? Inscreva-se no nosso canal e visite o nosso site!

www.ciadosastros.com.br

Céu de Janeiro


Janeiro começa com uma série de trânsitos positivos para dar as boas vindas ao ano que começa agora. Primeiro, Netuno passa a aplicar dois belos sextis: um ao Sol até 3/1 e outro a Vênus até o dia 4, alimentando esperanças de um ano bem melhor do que o anterior e nos brindando com possibilidades reais de romance, fantasia e idealismo. No dia 2 Urano também termina seu movimento retrógrado e começa a avançar, prometendo um ano novo cheio de novidades e mudanças.

De 4 a 9/1 Marte e Júpiter se unem e nos imprimem um ritmo mais afirmativo e enérgico: confiança e energia ficam abundantes para iniciarmos ações com potencial de sucesso e, até mesmo, para retomarmos alguma atividade física visando queimar as calorias acumuladas das festas de fim de ano. Começando no mesmo período e indo até 13/1, Sol e Vênus também caminham juntos, favorecendo as relações afetivas e o desejo de ficar junto com alguém, de nos socializar e de mostramos o melhor de nós mesmos.

Aproveite o trígono entre Mercúrio e Urano entre 6 e 7/1 para pensar fora da caixa e conseguir obter sacadas e ideias originais para velhos problemas. Pensamento criativo e inovador são os que vão vingar.

Logo em seguida, a partir do dia 7/1, vamos ter alguns momentos muito favoráveis: Marte numa boa associação com Plutão até 10/1 vai facilitar todas as iniciativas para assumir riscos ou recuperar espaço perdido por alguém muito espaçoso. Enquanto o Sol em harmonia a Júpiter até 9/1 e a Marte (até o dia 12/1) também indicará um ótimo momento para iniciar uma viagem, estudo ou tomar medidas ousadas, mas com clareza e determinação. Completando os trânsitos iniciados no dia 7, Júpiter e Plutão também vão te presentear com a sensação real de grande empoderamento e reconhecimento pessoal até 26/1. Se há algo importante a fazer, a realizar ou para se afirmar, aproveite bem esses momentos.

No campo afetivo mais bons momentos devem surgir, porque Vênus vai se entender bem com Júpiter de 7 a 9/1, proporcionando sorte, muitos encontros sociais agradáveis e em profusão. Bom para conhecer pessoas interessantes ou dar uma suavizada em relacionamentos que estejam mais tensos. E em seguida, de 8 a 11/1, Vênus e Marte de comum acordo vão favorecer ainda mais a paquera e o entrosamento entre pares românticos. Pode-se esperar aumento da libido e do desejo sexual agora. O impulso pelo prazer estará no ar! Só é bom tomar um certo cuidado com Plutão que fica conjunto ao Sol e a Vênus entre os dias 8 e 10/1, aumentando muito a intensidade das relações afetivas e a necessidade de controle sobre o outro. Pode haver medo de perda, que gera ciúmes e disputas por poder, e que precisam ser evitadas para não transbordar as relações e não gerar crises. Por outro lado, pode ser um bom momento para atitudes mais ousadas.

Mercúrio vai passar pelo signo de Capricórnio de 11 a 31/1, favorecendo o pensamento pragmático e cauteloso típico dos capricornianos. Nada de soluções mirabolantes e ideias muito diferentes: o que tende a prevalecer é o pensamento bem lógico e já suficientemente testado pela experiência passada. Pensar com os pés no chão e de maneira prática tende a dar mais certo nesse período. Em especial, isso valerá muito durante os dias 12 e 13/1, quando Mercúrio ainda faz uma conjunção exata ao regente de Capricórnio. Então é bom aproveitar a onda para pensar de maneira muito focada, lógica e racional. Os devaneios não serão positivos agora, mas será um ótimo momento para planejar ações futuras com boa dose de realidade e potencial de darem certo, principalmente a longo prazo.

Urano entra em atrito com Vênus entre 12 e 14/1, e também com o Sol, de 13 a 15/1. A imprevisibilidade de Urano tende a causar eventuais rupturas ou necessidade de maior liberdade nas relações afetivas pelo lado de Vênus – evite também a todo custo gastos impulsivos e desnecessários nesse período. Pelo contato com o Sol, podemos esperar confrontos de ideias que desafiam autoridades constituídas, surpresas, reversão no curso das coisas e um comportamento um tanto errático ou inesperado das pessoas. Tente suavizar a inquietação e ir levando as coisas para evitar stress desnecessário.

Na noite de 17/1, Vênus entra no signo de Aquário. E no dia 20 é a vez do Sol ingressar nesse signo. Ambos irão fazer com que procuremos por maior liberdade e menos compromisso, tanto na forma de agirmos pessoalmente (Sol), como na forma de nos relacionamos afetivamente com os outros (Vênus). Menos “grude” e mais interação social é o que tende a ficar mais forte. O Sol fica em Aquário até 17/2 e Vênus até 10/2.

De 19 a 20/1 vamos poder contar com a boa energia que emana da harmonia entre Mercúrio e Netuno. Um pensamento intuitivo mais acurado, insights e intuições bem apropriadas à situação podem surgir. É também um momento propício para se deslocar a uma praia ou algum lugar próximo à água. A imaginação fica também mais aguçada.

Logo depois, entre 24 e 25/1 Mercúrio fica conjunto a Plutão e em sextil a Júpiter. A comunicação tende a ficar muito mais penetrante e persuasiva e os assuntos irão se cercar de maior profundidade, sem no entanto perder-se a noção do todo. Pode também ser positivo para iniciar um novo estudo e para aprendizagem e análise de conceitos mais abstratos e genéricos. A capacidade de julgamento justo é também fortalecida.

Marte entra em Sagitário, ficando neste signo até 17/3. Há uma injeção de audácia e otimismo nas nossas iniciativas, mas por outro lado essas mesmas ações podem tornar-se exageradas e podem facilmente passar dos limites. Evite criar atritos desnecessários. Procure também agir sem exageros, evitando precipitações e situações inconvenientes que o excesso de energia pode causar.

Logo antes da entrada de Mercúrio em Aquário, no último dia do mês ele faz uma dura quadratura com Urano, de 27 a 28/1. É muita tensão mental e dificuldade de entendermos os pontos de vista dos outros. A comunicação fica prejudicada e pode ser interrompida, inclusive internet, celular, etc. Evite o radicalismo. Não é um bom momento para negociar acordos.

No dia 31/1 às 10h26 ocorre um eclipse lunar em Leão que afetará os meses seguintes. Veja no capítulo do Céu do Mês de Fevereiro os efeitos esperados.